EIXO 1

Eixo 1 – Emprego, Formação e Qualificação

 

As ações obrigatórias no âmbito do eixo 1 consistem em:

a) Estabelecer uma estreita parceria com o Instituto do Emprego e da Formação Profissional, I. P. (IEFP, I. P.), no sentido de favorecer os processos de integração profissional, social e pessoal, dos desempregados, designadamente:

i) Capacitar e ajudar a desenvolver atitudes de procura ativa de emprego;

ii) Informar sobre o conteúdo e abrangência das medidas ativas de emprego e oportunidades de inserção em instituições do território;

iii) Apoiar o enquadramento de projetos de autoemprego e de empreendedorismo nos diferentes programas e instrumentos de apoio, promovendo o encaminhamento dos interessados para o apoio técnico;
iv) Informar e encaminhar para oportunidades de qualificação desenvolvidas pelas autoridades públicas e privadas;

 

b) Sensibilizar os empresários, as instituições e as entidades empregadoras locais para uma participação ativa na concretização de medidas ativas de emprego e em processos de inserção profissional e social;

c) Contribuir para a sinalização, encaminhamento e orientação de alunos que abandonam ou concluem o sistema educativo, no sentido de desenvolver ações de favorecimento da integração profissional;

d) Desenvolver ações que estimulem as capacidades empreendedoras dos alunos do ensino secundário, numa perspetiva de reforço da iniciativa, da inovação, da criatividade, do gosto pelo risco e que constituam uma primeira abordagem à atividade empresarial;

e) Promover a criação de circuitos de produção, divulgação e comercialização de produtos locais e ou regionais de modo a potenciar o território e a empregabilidade.

  

 

O CLDS 3G “para a Inclusão” de Oliveira de Frades propõe-se a desenvolver as seguintes atividades:

 – Acompanhamento e orientação dos alunos que terminem ou abandonem o sistema de ensino, contactando as Escolas da região, juntas de freguesia, IPSS e outras entidades para o combate ao abandono escolar precoce e para o encaminhamento dos jovens para respostas de formação profissional e/ou para o mercado de trabalho, através de atendimento individualizado.

– Dinamização de ações de formação para jovens que terminem o ensino secundário ou ensino profissional e que queiram ingressar no mercado de trabalho, nomeadamente na elaboração de currículos e preparação para entrevistas.

– Dinamização de ações de divulgação das medidas para criação de autoemprego, para jovens que queiram ingressar no mercado de trabalho.

– Dinamização de workshops de empreendedorismo, inovação e criação do próprio emprego para alunos a partir do 10º ano.

– Realização de uma feira de produtos tradicionais e regionais de forma a promover o seu escoamento e estimular o emprego.

– Criação do site do CLDS-3G de Oliveira de Frades.

– Realização de ações de sensibilização e promoção do autoemprego junto da população desempregada.

– Centralização das ofertas de emprego disponíveis no site do CLDS de Oliveira de Frades.

– Sensibilização de empresários, instituições e as entidades empregadoras para a prestação de trabalho socialmente necessário e/ou atividades socialmente úteis.

– Apoio na elaboração das candidaturas e na Integração dos desempregados em atividades socialmente úteis (ASU) e em trabalho socialmente necessário.

-Promoção de formação para os técnicos, empresários, instituições e entidades empregadoras, relativamente às características das pessoas com incapacidades/deficiência.